sábado, 5 de maio de 2018

VIDA QUE GIRA...


   Homenagem recebida da amada e querida
poetisa Luiza De Marillac Michel, a quem 
muito agradeço, cujo poema faz com que eu
me sinta sumamente envaidecido e lisonjeado.             

                      

Homenagem ao Meu Amado Poeta Maior Antenor Rosalino

                              Germina mistura de chuva
                              Agasalha nossos corações
                              Deslizando nas montanhas
                              À Europa em grande viagem
                              Feixe imaginário não assusta
                              Que tanto amor aqui abriga
                              Sem rumor de água lateja
                              Gigante sombra que medra
                              Escarlate destino revela Amor
                              Na máquina duma só Poética
                              Em pura calma a flor se abre
                              Mítica forma ser apaixonada
                              Tudo que posso ainda sonhar
                               Faz o lírio sagrado desabrochar
                               Num propósito maior já perplexa
                               Desse oceano nos fascina à bessa...

                                   Luiza De Marillac Michel

8 comentários:

  1. Bom dia. Que poema encantador. pedroso. Adorei! Parabéns

    Hoje:- {Poetizando e Encantando.} Mãos que nos guiam em voos de ternura .

    Bjos
    Votos de Bom Domingo (Feliz dia da Mãe)

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Larissa, obrigada pelo comentário motivador para nós dois. Feliz Semana, nosso abraço fraterno. Luiza e Antenor!

    ResponderExcluir
  3. Adorável Antenor: As festas devem girar além do imaginário... Germinam as chuvas, que regam nossos jardins encantados.. Feixe que tanto abriga a água latente , na sombra que medra... Escarlate máquina poética, ma mítica forma de estar contigo sob a seara do amor inusitado! Sagrado é o lírio que já desabrochou... Nesse oceano que nos fascina, à bessa... Meu coração emocionado ao doar meus versos em contida homenagem. Agasalhando nossos corações, nessa viagem à Europa. Meu beijo amoroso, e um abraço apertado, da tua eterna Luiza . Não há motivo para agradecimento Amado! Felicidade, sempre Amor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorável Luiza, essa sua oferenda de sublime romantismo não só deixa o meu coração gratificado, mas faz com que eu me revista de suspiros perfumados e meus olhos descansam nas suas belíssimas letras pensantes advindas de suas células feitas de amor e do mais puro lirismo. Que a vida continue girando em festa no seu imaginário que me fascina. Muito obrigado, diva da poesia! Aqui ficarei envolto por sua tocante sentimentalidade e, com o mesmo lastro amorável, receba o costumeiro fausto beijo do seu eterno Antenor.

      Excluir
  4. Olá amigo Antenor, oferta maior e mais delicada a Luiza não poderia te ofertar, esse amor que medra como flor, em vossos corações é poeticamente lindo de se ler.
    Parabéns a ambos!
    Abraço fraterno!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Diná! Reconhecidamente sim. A Luiza, como ela própria se auto-denomina, é "apaixonada pela vida e pelo amor". Para ela, o amor, em suas diversas modalidades não precisa ser exteriorizada somente entre marido e mulher e fico muito feliz com essa amorosidade da parte dela que é recíproca. Agradecemos-lhe muito por sua apreciação, amiga. Abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  6. Lindo, brilhante, sensível, romântico e expressa um sentimento que escorre transbordante do coração de ambos, amei!
    Beijos e uma semana feliz!

    ResponderExcluir
  7. Agradecemos muito seu comentário de incentivo Lucia! Abraços fraternos da Luiza e do Antenor. Feliz Semana!

    ResponderExcluir